Dicas para um trekking de sucesso

A gente quer fazer você aproveitar tudo que um trekking pode proporcionar! Pra isso, a gente preparou várias dicas (testadas na prática) que vão fazer você aproveitar cada passo do seu trekking, com todo o conforto e da melhor forma…

A gente quer fazer você aproveitar tudo que um trekking pode proporcionar! Pra isso, a gente preparou várias dicas (testadas na prática) que vão fazer você aproveitar cada passo do seu trekking, com todo o conforto e da melhor forma possível.

Planeje seu itinerário

A primeira das dicas é também uma das mais importantes. O itinerário de um trekking vai compreender várias coisas, não só o seu ponto de partida e chegada. É saber como você vai de um lugar para o outro, onde vai comer, dormir, quando vai custar, alternativas de trilhas em caso de mau tempo e assim por diante. Algumas perguntas que você vai ter que responder durante o planejamento do itinerário são:

  • Quantos dias vai durar?
  • Quais são os pontos de partida e chegada em cada dia?
  • Qual a distância a percorrer por dia?
  • Onde vou fazer minhas refeições? Preciso levar comida?
  • Onde vou dormir em cada dia? Preciso de barraca ou equipamento de camping?
  • O que fazer em caso de acidentes?
  • O quão bem preparado devo estar para fazer o trekking?
  • O que eu tenho que levar?
  • Quanto isso tudo vai custar?

Pensar bem no itinerário tem como objetivo diminuir as chances de imprevistos e aumentar a eficiência e o conforto do trekking. O resultado disso tudo é que você consegue aproveitar melhor o seu trekking sem se preocupar com variáveis que você já pensou.

Booking.com

Pense bastante no que vai levar

Segunda dica é saber o que levar. Isso vai depender de cada trekking, da duração e do clima e de outros fatores. Veja como é o clima na região pra saber que tipo de roupa/casacos levar, veja se acampar é uma opção, se vai precisar ou não de saco de dormir, quantas camisas vai precisar, se vai precisar de algum equipamento especial como crampões, capacetes ou coisas do tipo, etc.

Pense bastante no que vai levar - Dicas Trekking.
Pense bastante no que vai levar.

Pensar no que levar é importante para estar pronto para qualquer situação provável durante o trekking, mas ao mesmo tempo ter somente o necessário. Muita gente não passa por esse processo porque ele não é tão evidente e consome bastante tempo. Levar peso em excesso pode deixar o seu trekking menos confortável, seus joelhos mais sobrecarregados e em casos extremos, pode fazer você até desistir de continuar (conto um caso pessoal aqui).

Urgências ou acidentes

Ninguém quer pensar que o pior pode acontecer. A gente quer só aproveitar e chegar no final do trekking com boas fotos e histórias incríveis pra contar. Mas o trekking não é uma atividade sem riscos. Quedas, torções, mal de altitude, assaltos, são alguns exemplos do que pode acontecer durante a sua trilha.

Área de exposição à deslizamentos de terra como essas podem ser comuns em trekkings.
Área de exposição à deslizamentos de terra como essas podem ser comuns em trekkings.

Saber o que fazer em caso de urgência ou acidente é extremamente importante, principalmente pra quem faz trekking sem guia. Tenha em mãos (anotado em um caderninho, no celular ou em um papel dentro da mochila), os números da polícia, bombeiros, ambulância, seguro de viagem, consulado ou embaixada, etc.

Você não vai querer se deparar com uma urgência e não ter a mínima ideia do que fazer. Cada trekking exige certos tipos de cuidado. Alguns trekkings vão ter uma infraestrutura mais desenvolvida (exemplo do trekking pela Walker’s Haute Route), outros nem tanto. Pense que quanto mais remoto e menos visitado é o trekking, mais preparado para emergências você deve estar.

Seguro de viagem: uma obrigação!

Ter um bom seguro de viagem é primordial. Alguns resgates ou internações podem custar o olho da cara se você não estiver coberto por um bom seguro de viagem. E eu não estou falando desse seguro do cartão de crédito ou coisa do tipo. Alguns seguros não cobrem atividades físicas de aventura como hiking ou trekking durante sua viagem. Então, a primeira coisa que você tem que fazer é verificar diretamente com o seu seguro se ele cobre esse tipo de atividade.

Caso contrário, você irá precisar de um bom seguro de viagem que cubra qualquer acidente o seu trekking em até 6000 metros de altura (acima disso, é outro tipo de seguro). Existem vários bons seguros de viagem que vão garantir sua segurança durante sua trilha. A gente, recomenda o da WorldNomads. Ter um bom seguro de viagem vai fazer você economizar com taxas relacionadas à hospitalização, resgate, remédios, etc., e de quebra, pode salvar a sua vida, literalmente!

Comece todos os dias bem cedo

Os dois principais benefícios de se começar a trilha bem cedo todos os dias é primeiro, terminar cedo e ter tempo para descansar e planejar os dias seguintes; e pra mim o melhor dos benefícios, ter a trilha todinha para você. A maioria das pessoas começa bem mais tarde (por volta das 9h-10h), isso te dá uma janela de no mínimo 2 horas de trilha sem tráfego, barulho e tempo pra tirar fotos incríveis.

Lembre-se: você vai ter a trilha só pra você!
Lembre-se: você vai ter a trilha só pra você!

A gente tem aplicado essa estratégia nas nossas trilhas e sempre é da mesma forma. Saímos junto com um pingado de pessoas, pegamos a trilha só pra gente e chegamos com tempo suficiente (e com luz do sol) pra aproveitar o resto do dia no nosso destino.

Durma bem todas as noites

Uma das dicas mais importantes para o sucesso de um trekking é dormir mais de 8 horas por dia! Eu não sou de dormir cedo, mas durante os nossos trekkings faço o esforço. Você quer está recuperado no dia seguinte pra poder dar conta do recado. Uma boa noite de sono além de descansar, é capaz de ajudar na recuperação muscular.

Foque em objetivos curtos

A gente desenvolveu essa técnica no trekking pela Walker’s Haute Route na Suíça. A gente ficava focado no destino final do dia, olhando constantemente o celular para saber quantos quilômetros faltavam e em algumas vezes a gente conseguia ver o refúgio ou destino lá longe e já se animava pensando que estava chegando. Mero engano!

Você consegue ver o refúgio nessa foto? Nem eu, pra quer focar no destino, se você pode definir objetivos pequenos e aproveitar mais a trilha... - Dicas Trekking.
Você consegue ver o refúgio nessa foto? Nem eu, pra quer focar no destino, se você pode definir objetivos pequenos e aproveitar mais a trilha…

Depois de uns três dias levando balde de água fria por isso, a gente decidiu definir objetivos curtos. A gente olhava para a trilha e dizia, nosso próximo objetivo é aquela colina bem ali. Depois de alcançar esse objetivo, a gente definia outro e assim por diante. Funcionou MUITO! Começamos a apreciar mais a trilha e a paisagem e se preocupar menos com o nosso destino.

Beba bastante água e se alimente bem

Não preciso delongar muito. Esse é tipo aquele conselho de mãe, sabe? Beber bastante água, principalmente em trekkings em altitude e comer o suficiente pra recarregar as energias é fundamental.

Agora, pra evitar problemas com contaminação da água, dê preferência para água fervida e se não for possível, existem várias opções de filtros portáteis e aquelas pastilhas de purificação de água que podem ajudar a deixar a água bebível. Com relação à comida, evite frituras e saladas durante o trekking, dando preferência para alimentos cozidos/quentes.

Agora relaxa e aproveita a trilha…

Nosso roteiro pela Suíça - Trekking pela Walker's Haute Route

Aproveitar (ter prazer, poder apreciar a vista, etc…) a trilha 100% é difícil. Às vezes a gente tem que estar concentrado em uma parte mais perigosa, por exemplo. Mas no geral, você só vai ser capaz de aproveitar o seu trekking se seguir a risca todas as dicas que a gente listou acima:

  • Ter um bom itinerário e um bom planejamento elimina muitos imprevistos.
  • Levar o que é essencial e deixar em casa o que não é, vai te trazer conforto e menos dores nas costas, ombros e pernas.
  • Saber o que fazer em caso de urgência e ter um bom seguro de viagem vai te trazer segurança e tranquilidade.
  • Começar a trilha bem cedinho todos os dias vai te trazer mais tranquilidade e uma trilha mais vazia.
  • Focar em objetivos curtos vai te fazer gerir melhor a ansiedade de chagar e fazer você ter olhos pro presente.
  • Dormir bem vai fazer você recuperar o fôlego e os músculos, fazendo o trekking ser menos penoso.
  • Beber muita água e comer bem vai recarregar as energias imprescindíveis pra você cumprir o itinerário do dia.

Seguindo essas dicas, você vai ser capaz de aproveitar cada parada do seu Trekking. Você não vai ter pressa de chegar. Vai parar para tirar fotos, e vai poder parar para respirar mais fundo olhando a paisagem em que você está. Trekking é viver o presente acima de tudo!

Gostou do post?

Você acha que ele pode ser útil pra mais alguém? Compartilhe! E olha, o post não acaba por aqui. Estamos curiosos pra saber as suas sugestões, opiniões e dúvidas aqui embaixo nos comentários!

Quer apoiar o Férias Contadas?

Sabe aquela coisa de que você não precisa ser milionário pra ajudar os projetos que você acredita? Pois bem! É assim que a gente funciona. Você pode apoiar o nosso filho Ferias Contadas de várias formas: curtidas, comentários e compartilhamento dos posts, inscrição na newsletter, apoio financeiro e o céu é o limite (até massagem no pé tá valendo hehehe)!

Quer apoiar a gente? CLIQUE AQUI pra saber como!

Deixe um comentário!