Galápagos – Dicas para economizar na sua viagem

Experiencia prática vale mais do que 1000 posts. Mais um post com toda a experiência que tivemos em Galápagos e com dicas de como economizar nesse paraíso equatoriano, aí sim, vale ainda mais. Nesse post vou tentar te ajudar a…

Experiencia prática vale mais do que 1000 posts. Mais um post com toda a experiência que tivemos em Galápagos e com dicas de como economizar nesse paraíso equatoriano, aí sim, vale ainda mais. Nesse post vou tentar te ajudar a realizar o seu sonho de visitar as ilhas, mais da forma mais econômica e com o conforto merecido.

Quando ir e o que visitar

  • Os meses de alta temporada vão de Dezembro até Junho (mais quente e época perfeita para mergulhos). Espere gastar bem mais em alta temporada, quando a maioria dos turistas estrangeiros visita o arquipélago e tudo fica bem caro.
  • Pra conhecer certas praias não é preciso guia. O acesso é gratuito e você pode fazer tudo por conta própria. Algumas praias que você não pode deixar de ir: Tortuga Bay, Playa de los Alemanes, El Garrapatero, La Loberia, Puerto Chino et Punta Carola. O melhor de tudo? Dá pra ir andando pra maioria delas!
  • Se você ainda preferir fazer alguma atividade com alguma agência, pesquise os preços. Principalmente em Puerto Ayora, você vai encontrar agências em todos as esquinas. Talvez você consiga um bom desconto só negociando. Vale a pena tentar.

Passagem aérea e transporte em geral

  • Pesquise o preço das passagens em todas as companhias autorizadas à operar em Galápagos (Latam, Avianca e TAME). Na nossa experiência, a TAME tinha sempre os melhores preços.
  • Você vai encontrar voos partindo de Quito e Guayaquil. Entretanto, os voos de Quito fazem escala em Guayaquil antes de seguir viagem para Galápagos. Nas nossas pesquisas, o preço da passagem era geralmente mais em conta partindo de Guayaquil. Confira e escolha a melhor opção pra você.
  • Se possível e o valor permitir, tente chegar por Santa Cruz (Baltra) e ir embora por San Cristóbal ou vice-versa. Isso vai fazer você economizar um pouco no transporte entre as ilhas e ainda por cima ganhar mais tempo pra aproveitar cada uma.
  • Reserve o transporte entre as ilhas com antecedência. Os barcos são pequenos e você corre o risco de não ter vaga se chegar em cima da hora. As passagens são vendidas em qualquer agencia de viagem (qualquer mesmo!).
  • Evite usar o táxi quando não for extremamente necessário. Porque não andar se o seu destino for perto o suficiente?
  • Existe a possibilidade de aluguel de bicicletas. As ilhas não são tão grandes, pode valer a pena se você tiver mais tempo disponível.
  • Negocie sempre o preço do táxi e sempre combine com o taxista o horário de volta, já que em alguns lugares, não existe civilização e você vai ter problemas pra conseguir um transporte de volta. Uma boa estratégia para barganhar no preço é colocar múltiplos destinos com o mesmo taxista.

Restaurantes e alimentação

  • Pra almoçar, procure os restaurantes que oferecem o famoso “Almuerzo”. É um prato feito geralmente com arroz, carne (pescado, frango, etc), feijão/lentilha e ainda vem com um refresco (aquele do Chaves sabe?). Tudo isso pela barganha de 5 dólares. Em Puerto Ayora, você vai encontrar a maioria desses restaurantes na rua Charles Binford. Em Puerto Baquerizo Moreno eles estão espalhados pela avenida principal.
  • Comprar comida para preparar por conta própria pode ser um pouquinho difícil. Na maior cidade do arquipélago, Puerto Ayora, o maior supermercado seria chamado de vendinha em grandes cidades. Isso significa menos variedade de produtos e preços mais elevados. Produtos orgânicos como frutas e verduras também sofrem com o isolamento das ilhas. A grande maioria vem do continente e quando chegam, já estão com a qualidade comprometida. Se você não acredita em mim, vá em uma feira de frutas em Quito ou Guayaquil e depois compare com o que você vai ver em Galápagos.

Espero que as dicas sejam úteis pra você economizar durante a sua viagem em Galápagos. Depois passa aqui nos comentários e escreve se elas te ajudaram ou não na viagem por essas ilhas maravilhosas, esse lugar especial chamado Galápagos.

Gostou desse conteúdo?

Você acha que esse post pode ser útil pra alguém? Compartilhe! E olha, o post não acaba por aqui. Estamos curiosos pra saber as suas sugestões, opiniões e dúvidas aqui embaixo nos comentários!

Quer apoiar o Férias Contadas?

Você ajuda a gente a continuar publicando conteúdo de qualidade através de uma pequena comissão gerada quando você reserva um hotel ou fecha o seguro de viagem usando os links abaixo!

Hospedagem: Booking.com
Seguro de viagem: WorldNomads
Dinheiro no exterior: TransferWise

Deixe um comentário!

Faça parte da Comunidade Férias Contadas!

Que tal ser avisado de todas as novidades do Férias Contadas e das nossas viagens pelo mundo?

Basta se cadastrar na nossa newsletter.